Mediador tenta censurar pergunta de jornalista a Tite sobre Bolsonaro.

Presidente da República esteve no estádio e participou da entrega das medalhas; o Brasil venceu o Peru e conquistou a Copa América;

Tite conquistou seu primeiro título com a seleção brasileira

Foto: Raul ARBOLEDA / AFP

Da Redação | @superfcoficial 
07/07/19 – 22h14

Após o título da Copa América sobre o Peru, neste domingo (7), o técnico Tite foi perguntado por um jornalista estrangeiro, o que ele achava da presença do presidente Jair Bolsonaro no Maracanã. Em determinado momento do questionamento, o media officer do Comitê Organizador Local (COL) da Copa América, um “mediador” que acompanha as coletivas, tentou interromper o repórter dizendo que não se poderia perguntar sobre aquele assunto.

Os outros jornalistas presentes se manifestaram contrários à postura do membro do COL. O treinador brasileiro, por sua vez, não se abdicou de responder, embora não manifestasse nem a favor nem contra.

“Eu fico tão envolvido na partida, mas sei que as coisas acontecem. O meu foco é dentro do campo, na minha conduta, na minha ética. As outras situações são à parte”, respondeu Tite.

O presidente da República esteve no palco da decisão da Copa América e acompanhou o jogo da tribuna de honra ao lado de outros integrantes do governo, como o ministro da Justiça Sergio Moro. Após a vitória brasileira por 2 a 1, Bolsonaro foi para o gramado e participou da entrega das medalhas. Antes de deixar o campo, posou com a taça ao lado dos jogadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *