Assaltante morre em confronto com a PM em Várzea Grande

Perseguição a um veículo Etios roubado, em Várzea Grande, termina com um dos assaltantes mortos. Uma equipe do 4º Batalhão, que fazia rondas pela avenida Júlio Campos, foi informada do veículo roubado. Quando a viatura seguia pela avenida viu o carro suspeito do outra lado da pista.

Os policiais relatam que fizeram o contorno e tentaram abordar os suspeitos que estavam no Etios. Neste momento, iniciaram a tentativa de fuga e perseguição. Na rotatória do bairro José Carlos Guimarães, na avenida Mario Andreazza, o veículo bateu no meio-fio e parou. 

Policiais descrevem que um suspeito deixou o veículo , com arma em punho, apontando para a guarnição, que revidou. Este suspeito entrou numa região de mata. 

Com reforço, policiais realizaram o cerco à região e ao entrarem na mata encontraram Carlos Alexandre Silva Júnior baleado, 36, caído no chão. Ao lado dele foi apreendido um revólver calibre 38. O suspeito ainda foi levado para o Pronto-Socorro de Várzea Grande, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo. 

PM

armamento e munições apreendidos após morte de assaltante em VG

PM apreendeu armas e munições

Dentro do veículo ainda estava Rutiele Gomes de Oliveira que informou aos policiais que na casa dela tinha mais armamento. Na residência da acusada a PM apreendeu uma metralhadora 762, munições 556, rádio HT na frequência da Polícia, 6 carregadores. No local estava Ezequiel Gomes de Oliveira, que também foi preso. 

Divulgação

Ezequiel Gomes de Oliveira preso com armas e munições

Ezequiel foi preso com armas e munições

O boletim de ocorrência ainda está sendo confeccionado pela Polícia Militar. Mais informações a qualquer instante.

OBS: A foto de Ezequiel tinha sido repassada como se fosse a do Carlos, que morreu. Carlos nem chegou a ir para a Central de Flagrantes. Foi direto para o PS, onde morreu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *